Postado em 10/10/2021

STF arquiva pedido de investigação contra ministros sobre offshores

Na decisão, Toffoli sustentou que a atribuição de abrir investigação dessa natureza contra Paulo Guedes e Roberto Campos Neto é da Procuradoria-Geral da República.

STF arquiva pedido de investigação contra ministros sobre offshores
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro Dias Toffoli do Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou dois pedidos enviados à Corte para que fosse aberta uma investigação sobre as empresas offshore do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto. Um dos pedidos de abertura de apuração é de autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). O outro pedido similar foi apresentado pela Associação Brasileira de Economistas pela Democracia (Abed).

A existência de offshores no nome de Guedes e de Campos Neto foi revelada pelo Pandora Papers, investigação de um consórcio internacional de jornalistas com base em documentos vazados de 14 escritórios internacionais de abertura de empresas em paraísos fiscais no exterior. As matérias citam figuras públicas como políticos e até cantores e monarcas. As duas autoridades brasileiras alegam que as contas no exterior foram declaradas à Receita Federal e que não haveria irregularidade nas operações.

Para extinguir os pedidos, Toffoli sustentou que a atribuição de abrir uma investigação dessa natureza é privativa da Procuradoria-Geral da República e que a jurisprudência não permite que o STF determine à PGR que proceda uma investigação.

"Em hipóteses como a presente, portanto, em respeito ao sistema acusatório, não há como o Judiciário substituir a atividade ministerial exercendo juízo valorativo sobre fatos alegadamente criminosos, atribuição exclusiva do Parquet [PGR], tampouco cabe ao Judiciário que 'solicite a abertura de investigação' como constou na inicial. O requerente pode apresentar a notícia crime diretamente à Procuradoria-Geral da República, não cabendo ao Judiciário imiscuir-se na atuação daquele órgão ou substituir o cidadão nesse encaminhamento", escreveu o ministro em sua decisão.

Entenda

Segundo reportagens sobre as offshores, publicadas por quatro veículos brasileiros, a offshore Dreadnoughts Internacional, nas Ilhas Virgens Britânicas, foi fundada por Guedes e por sua filha, a empresária Paula Drumond Guedes, em setembro de 2014. A companhia recebeu investimentos de US$ 8 milhões na abertura e aporte de US$ 1,54 milhão em 2015, totalizando US$ 9,54 milhões. A empresa estava ativa até o último dia 28 de setembro.

No caso do presidente do Banco Central, a Cor Assets foi fundada em abril de 2004 no Panamá com capital de US$ 1,09 milhão, tendo recebido mais US$ 1,08 milhão dois meses mais tarde. A empresa foi fechada em 12 de agosto de 2020, mas passou 18 meses presidida por Campos Neto, desde que ele assumiu o comando do Banco Central, em fevereiro de 2019. O presidente do BC também foi controlador da offshore Rocn Limited, nas Ilhas Virgens Britânicas, entre janeiro de 2007 e novembro de 2016.


Fonte: Agência Brasil
 
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Leia Mais

Mais de 120 concursos estão abertos com salários de até R$ 28 mil


Pelo menos 126 concursos públicos no país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (11) e reúnem 15,4 mil vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 28.884,20 no Ministério Público do Estado do Paraná e na Defensoria Pública de Mato Grosso do Sul. Além das vagas abertas para preenchimento imediato, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

MG publica edital de concurso com 519 vagas para Polícia Civil; inscrições começam na segunda


Foram publicados, neste sábado (9), os editais do novo concurso da Polícia Civil de Minas Gerais, com 519 vagas abertas. Há 62 vagas para delegado; 9 para médico legista; 21 para perito criminal; 30 para investigador de polícia; e 397 para escrivão de polícia. Os salários variam de R$ 4.631,21 a R$ 12.967,43.

Secretaria de Recursos Humanos da Prefeitura de Juiz de Fora abre 20 vagas de estágio


Para os estagiários são oferecidos bolsa de R$ 300 e dois vales transportes por dia.

Oportunidade: MG tem 40 concursos abertos, com 5.315 vagas e salários de até R$ 30,4 mil


Minas Gerais tem 40 concursos abertos ou com editais publicados no momento, alguns com salários chegando a R$ 30,4 mil. São, ao todo, 5.315 vagas ofertadas.

Brasil tem mais de 10 mil vagas de concursos abertas; salários vão até R$ 29,9 mil


Pelo menos 100 concursos públicos estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (27) no país. Juntos, eles reúnem mais de 10 mil vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 29,9 mil na Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação, que oferece oito vagas de nível superior distribuídas entre Brasília, Belém e Macapá.

MG tem vários concursos abertos, com 4.537 vagas e salários de até R$ 15,9 mil


Minas Gerais tem 29 concursos abertos ou com editais publicados no momento, alguns com salários chegando a R$ 15,9 mil. São, ao todo, 4.537 vagas ofertadas.

Secretaria de Saúde de Juiz de Fora abre cadastro de currículo para contratação temporária


Interessados devem ter formação na área médica e comprovar as especialidades exigidas.

Inscrições abertas para o Quadro Técnico de Praças da Armada até dia 26 de setembro


A oferta é de 20 vagas de nível médio técnico, voltadas para profissionais que irão atuar na operação e manutenção de submarinos e instalações nucleares da Marinha.

Concursos públicos oferecem 47.619 vagas com salários de até R$ 32 mil; veja vagas


Concursos públicos oferecem pelo menos 47.619 vagas em todas as regiões do país. Há oportunidades em vários cargos, destinadas a candidatos de todos os níveis de escolaridade. O concurso com remuneração mais alta é para a Procuradoria-Geral do Estado de Goiás (PGE-GO), com salário de R$ 32 mil.

JF: Cesama lança concurso com vagas para níveis médio, técnico e superior nesta quarta, 1º


No total, serão oferecidas 18 vagas, além da formação de um cadastro de reserva.

Estado abre edital com mais de 2,4 mil vagas para a Policial Penal de MG


Publicação aguardada por candidatos é resultado do esforço do Governo de Minas para fortalecer o sistema prisional mineiro. Salário inicial é de R$ 4.631,25.

Romeu Zema anuncia concurso público para a Polícia Civil


Serão até 684 vagas para todas as categorias da instituição, que vão reforçar a segurança em todo o estado.

Pandemia leva PF a adiar concurso para preencher 1,5 mil vagas


Provas devem ser realizadas em maio, diz comunicado.

Ebserh reabre inscrições de contratação temporária com vagas para o HU-UFJF


Há oportunidades para Medicina do Trabalho, plantonistas e intensivistas.

Google abre inscrição para estágio; estudante poderá trabalhar 100% de casa


O Google Brasil abriu inscrições para seu programa de estágio para 2021. Como os estudantes poderão estagiar de maneira totalmente remota, universitários do país todo poderão participar do processo. Até este ano, as vagas eram para trabalhar no escritório da empresa, em São Paulo.
Saúde
Ciência