Postado em 14/06/2018

Câmara argentina aprova projeto que descriminaliza o aborto

A votação terminou com aplausos dos deputados que defendiam a interrupção voluntária da gravidez até a 14ª semana de gestação.

A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou hoje (14) por 129 votos a favor, 125 contra e 1 abstenção o projeto de lei que descriminaliza o aborto, em uma sessão histórica que durou cerca de 22 horas e meia.

A votação terminou com aplausos dos deputados que defendiam a interrupção voluntária da gravidez até a 14ª semana de gestação.

O texto segue agora para o Senado.

Fonte: Agência Brasil