Postado em 12/06/2018

Córrego Tapera em JF recebe mais 600 metros de redes coletoras de esgoto

A nova rede coletará os efluentes que antes eram lançados no córrego, transportando-os para a nova Estação de Tratamento de Esgoto União-Indústria.

Córrego Tapera em JF recebe mais 600 metros de redes coletoras de esgoto

Além de recuperar o Rio Paraibuna, as obras de despoluição têm como objetivo melhorar a qualidade de vida na cidade, com intervenções nos córregos Tapera, São Pedro, d`Anta, Matirumbide e Ipiranga, através de sistema com 40 quilômetros de novas tubulações. Atualmente, a Companhia de Saneamento Municipal (Cesama) segue com implantação de 600 metros de redes coletoras nas margens do Tapera, um dos maiores cursos d´água do município. Os trabalhos estão focados entre as ruas Alencar Tristão e Professor João Corrêa Barbosa, no Bairro Santa Terezinha.

De acordo com o diretor de desenvolvimento e expansão da Cesama, Marcelo Mello do Amaral, a previsão é de que as intervenções no córrego sejam finalizadas em dezembro: “Devido sua extensão, o Tapera abrange muitos bairros. Já concluímos as etapas no Bom Clima e, após executarmos esse trecho, levaremos nossos serviços para as comunidades de Bandeirantes e Eldorado”. Já foram implantados 1.200 dos 3.900 metros que irão compor a extensão total do coletor.

A nova rede coletará os efluentes que antes eram lançados no córrego, transportando-os para a nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) União-Indústria, no Bairro Granjas Bethel. “Lá, o material será tratado com vazão que pode chegar a 850 litros de esgoto por segundo, recebendo a demanda de 70% da cidade. Com a unidade em funcionamento, a previsão é, de imediato, dobrar a capacidade de tratamento, subindo de 10% para 20%”, explicou o diretor.

Orçado em mais de R$ 130 milhões, o conjunto de obras de despoluição do Paraibuna ainda prevê a construção de cinco estações elevatórias, para bombeamento dos efluentes nas regiões mais íngremes, e duas novas ETEs, além da ampliação das de Barbosa Lage e Barreira do Triunfo.



Fonte: PJF