Postado em 19/10/2020

Procura por vacina de pólio é pequena nas primeiras semanas de campanha em Juiz de Fora

A meta imposta pelo Ministério da Saúde é de vacinar, no mínimo, 95% das crianças nessa faixa etária.

Procura por vacina de pólio é pequena nas primeiras semanas de campanha em Juiz de Fora
Foto: Divulgação PJF

O movimento nas unidades de saúde para aplicação das doses de vacina contra poliomielite foi pequeno nas primeiras semanas da Campanha Nacional de Vacinação, que começou em 5 de outubro. Segundo informações do Setor de Imunização do Departamento de Vigilância Epidemiológica e Ambiental (Dvea) da Secretaria de Saúde (SS), até o momento, 4.756 doses foram aplicadas, alcançando 19,79% do público-alvo, composto por crianças menores de cinco anos de idade. No dia “D”, que aconteceu no último sábado, 17, apenas 1.682 vacinas foram aplicadas.

A meta imposta pelo Ministério da Saúde é de vacinar, no mínimo, 95% das crianças nessa faixa etária. Em Juiz de Fora, o número total é de 24.033. As campanhas são consideradas fundamentais para prevenção e controle das doenças, e para que aquelas já controladas ou eliminadas não reapareçam no país.

A aplicação acontece de segunda a sexta-feira, nas unidades básicas de Saúde (UBSs), das 8 horas às 10h30 e das 13 horas às 16h30. No Posto de Atendimento Médico (PAM) Marechal, ela começa às 8 horas e vai até 16h30, já no Departamento de Saúde da Mulher, Criança e Adolescente (DSMCA), que funciona na rua São Sebastião, 772, Centro, das 8h30 às 15h30.

Ao longo da campanha, caso não haja intercorrências no sistema de lançamento das parciais, a SS disponibilizará novos balanços sempre às terças-feiras, no portal de notícias da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF).


Fonte: PJF
 
Foto: Divulgação PJF

Saúde
Ciência