Postado em 14/10/2020

JF: “Cadinho de Prosa” realiza live sobre autonomia docente

Evento é realizado pela Secretaria de Educação da Prefeitura de Juiz de Fora.

JF: “Cadinho de Prosa” realiza live sobre autonomia docente
Foto: Reprodução PJF

A Secretaria de Educação (SE) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) realizará nesta quinta-feira, 15, às 18 horas, nova live do projeto “Cadinho de Prosa”. O tema agora é “Escola, Democracia e Igualdade: Invenção e Incertezas em Tempos de Pandemia?”. A live contará com a participação da professora-doutora Claudia Fernandes, graduada em Pedagogia, mestre em Educação e doutora em Ciências Humanas/Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio); e da professora-doutora Carmen Sanches, graduada em Pedagogia e mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), e doutora, também em Educação, pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

A proposta da live é promover roda de conversa, que tratará sobre autonomia docente, narrativas e experiências e professor pesquisador da própria prática. Além de analisar a escola como espaço privilegiado para construção da democracia e cidadania, o cotidiano escolar como potência, conceitos como diálogo, educação como prática de liberdade, amorosidade e diferença.

“Cadinho de Prosa”

Ação de formação, direcionada aos professores e coordenadores pedagógicos da rede municipal de ensino, visando oportunizar reflexões e discussões sobre educação durante a pandemia. Ao longo do projeto já foram realizadas outras edições de live e webinar, com temas diferentes.

Elaborado pela SE, o projeto tem como objetivo favorecer articulações pedagógicas neste período de isolamento social, proveniente das medidas sanitárias de combate ao novo coronavírus (covid-19). A ação cria percurso singular para a educação no Município, com proposta que se distancia de aulas remotas nos modelos convencionais.

O site do “Cadinho de Prosa” apresenta conteúdos de texto e audiovisuais que têm como base cultura, arte, conhecimentos, saberes e criações humanas, compondo repertórios que podem ser vivenciados em diferentes contextos da vida social.

Através do link, por meio de computadores, tablets ou smartphones, a pessoa tem acesso a diversos conteúdos, de forma totalmente gratuita, escolhidos para melhor atender à demanda do público neste momento. Entre eles, dicas de livros digitais, sugestões de brincadeiras, opções culturais e guia de atividades. Outras informações sobre o projeto podem ser obtidas através do link.

Fonte: PJF
 
Foto: Reprodução PJF