Postado em 27/11/2019

Espetáculo de dança árabe, cigana e flamenca reúne 70 bailarinas no Teatro “Paschoal”

O espetáculo tem direção de Cíntia Prado e coreografias de Amanda Costa, Hortência Vieira, Joana Croce e Giseli Horta.

Espetáculo de dança árabe, cigana e flamenca reúne 70 bailarinas no Teatro “Paschoal”

"Zayin: Os Mistérios do Sete" é o novo espetáculo do Studio Tablado Árabe Nabak, que será apresentado na sexta-feira, 29, às 20h30, no Teatro “Paschoal Carlos Magno” (Rua Gilberto de Alencar, 888 – Centro). Setenta bailarinas participarão da montagem, que terá números de danças do ventre, cigana e flamenca e folclore árabe.

A ideia é levar ao público as curiosidades e simbolismos de Zayin, sétima letra do alfabeto hebraico, que aparece em diversas teorias, filosofias, crenças e culturas. Zayin também remete ao simbolismo de 2019, que, na cabala, corresponde ao sete. Sob esse aspecto, o algarismo propõe batalha interna, repleta de transformações e descobertas, que culmina na retirada dos véus da escuridão e ascensiona em direção à luz.

O espetáculo tem direção de Cíntia Prado e coreografias de Amanda Costa, Hortência Vieira, Joana Croce e Giseli Horta. A apresentação será também homenagem ao fundador do Grupo Nabak, Tufic Nabak. Os ingressos para a apresentação estão esgotados.

Fonte: PJF