Postado em 19/08/2019

Patrulhamento preventivo da Guarda Municipal de JF tem área de atuação ampliada

O objetivo é levar segurança para a população que frequenta estes locais e seu entorno, por meio da presença e do relacionamento comunitário.

Patrulhamento preventivo da Guarda Municipal de JF tem área de atuação ampliada

A Guarda Municipal (GM) de Juiz de Fora está ampliando seu trabalho de patrulhamento preventivo comunitário. Desde o início de agosto, uma equipe foi escalada para atuação exclusiva em rondas nas praças da região central. O objetivo é levar segurança para a população que frequenta estes locais e seu entorno, por meio da presença e do relacionamento comunitário. As praças da Estação, Antônio Carlos, Menelick de Carvalho e do Largo do Riachuelo são os pontos incluídos no trabalho, que já contemplava o Parque Halfeld desde fevereiro. A medida é parte integrante do plano de ações e metas proposto pela Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania (Sesuc), dentro do processo de reformulação organizacional da corporação.

Para a extensão da atividade de segurança, uma equipe extra, além das escaladas em postos fixos e da equipe de supervisão, foi alocada nas ruas da cidade. Ela percorre as principais praças do Centro, monitorando as condições de segurança desses espaços públicos e ainda se mantém de prontidão para eventual necessidade de prestar apoio a alguma ocorrência nos demais postos de trabalho da GM. O resultado é a ampliação do raio de cobertura, uma vez que, com uma mesma patrulha móvel é possível atender vários pontos num mesmo turno de serviço. Estratégia que reúne racionalização do emprego dos meios e maior capacidade de presença.

A interação com a comunidade é ponto chave da atuação. No contato com o comércio, estabelecimentos e moradores da região, a equipe conhece melhor as características da área e se coloca à disposição para eventual necessidade de intervenções de segurança. A comandante da Guarda Municipal, Emilce de Castro, enfatizou que essa aproximação faz parte da filosofia de policiamento comunitário, que busca no relacionamento e na proximidade firmar bases para o sucesso de ações preventivas: "É um trabalho de relacionamento com a comunidade, em que os guardas se aproximam mais do cidadão, no atendimento de suas demandas. O resultado é o aumento de sensação de segurança".

* Informações na Assessoria de Comunicação da Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania pelo telefone 3690-7086.


Fonte: PJF

Concursos