Devido ao eventual atraso no depósito do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do pagamento do INSS aos cobradores e motoristas da viação Goretti Irmãos Ltda (Gil), o Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário (Sinttro) promoveu uma paralisação relâmpago na garagem da empresa na madrugada desta quarta-feira (15). O ato ocorreu entre 3h e 5h. Conforme o sindicato, caso não haja uma posição concreta da empresa em até 72 horas, um novo ato será organizado, com maior período de duração. A empresa nega que esteja em débito com os colaboradores e classifica a ação do sindicato como “abusiva”. Leia Mais
Postado em 15/05/2019