Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) enviou um ofício para a Câmara Municipal de Muriaé, reiterando a segurança e estabilidade das barragens dos municípios de Miraí e de Itamarati de Minas. O documento foi enviado na última semana após pedido feito pela vereadora Miriam Facchini (PSDB) questionando a situação do local.

Em nota enviada ao G1, a CBA esclareceu que as barragens encontram-se licenciadas e foram construídas em etapa única, sem alteamento e com sistema extravasor dimensionado para suportar chuvas decamilenares. A empresa reafirmou o compromisso de transparência e colaboração com o poder público e outras entidades representativas das comunidades onde atua. Leia Mais
Postado em 14/04/2019