Com a ajuda de 19 cães farejadores, os trabalhos de buscas por vítimas do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho (MG), entraram no 17° dia neste domingo (10). Até o momento, 157 mortes foram confirmadas e 165 pessoas seguem desaparecidas.

Onze aeronaves são usadas, além de 35 máquinas. Os trabalhos começaram às 8h. Segundo o Corpo de Bombeiros, o efetivo neste domingo soma 352 militares, sendo 150 de Minas Gerais, 129 de outros estados, 64 da Força Nacional e 09 voluntários. Leia Mais
Postado em 10/02/2019