Os quatro servidores municipais de Guaratuba, no litoral do Paraná, que usaram câmeras de monitoramento para espiar mulheres voltaram a trabalhar.

Eles estavam afastados desde o fim de novembro, quando o caso veio à tona, e retornaram às atividades na terça-feira (8). Contudo, para funções diferentes. Até o momento, as novas funções não tinham sido informadas. Na época do ocorrido, eles atuavam no setor de monitoramento. Leia Mais
Postado em 10/01/2019

Justiça manda soltar suspeitos de colocar bomba em igreja no DF Os três suspeitos de participar de uma tentativa de ataque com bomba ao Santuário Menino Jesus, em Brazlândia, no Distrito Federal, na madrugada de Natal, foram soltos nesta quarta-feira (9). O processo foi arquivado pela Justiça.

A decisão de libertá-los foi assinada pelo juiz Fellipe Figueiredo de Carvalho, da 7ª Vara Criminal de Brasília, na terça-feira (8). Leia Mais

Postado em 10/01/2019