Um grupo de eleitores do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), deu início a uma mobilização através das redes sociais para conseguir doações para a Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora. O então candidato foi atendido no hospital após sofrer um atendado durante ato de campanha na cidade.

A iniciativa do grupo foi tomada após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não permitir o repasse do restante dos recursos da campanha para o hospital. A intenção da doação foi manifestada por Bolsonaro no dia 30 de outubro, dois dias após ter sido eleito novo presidente da República. Leia Mais
Postado em 05/11/2018