Em clima de Copa do Mundo, a atenção aos pets precisa ser redobrada. Além de cuidados com os adereços verde e amarelo, os tutores devem prevenir cães e gatos do barulho causado por vuvuzelas e fogos de artifício. A alimentação também deve ser monitorada nessa época, pois os bichinhos tendem a 'roubar' comida das festas e podem desenvolver intoxicação alimentar.

Levantamento realizado na Copa do Mundo de 2014 pelo Hospital Veterinário Sena Madureira, em São Paulo, mostrou aumento de 30% no número de animais internados. Os problemas foram desde intoxicação alimentar até convulsões, ferimentos e descompensação cardíaca. Leia Mais
Postado em 01/07/2018

Quando um dono se depara com o seu cachorro vomitando ração, é comum que ele culpe o alimento pelo ocorrido. A qualidade do produto, assim como o tipo e tamanho dos grãos podem sim levar o pet a regurgitar o alimento. Entretanto, as principais razões tem raízes comportamentais.

Um cachorro vomitando ração provavelmente ingeriu o alimento de maneira errada, de modo que não conseguiu o segurar no seu estômago. Essa prática é mais comum em animais filhotes, mas pets de todas as raças e idades estão suscetíveis a sofrer esse mal. Leia Mais

Postado em 01/07/2018