A empresa de segurança RiskIQ analisou um aplicativo de economia para Android chamado 'Advanced Battery Saver' e descobriu que ele usava o aparelho de quem o instalava para realizar fraudes publicitárias, clicando em anúncios e interagindo via SMS com provedores de conteúdo para fraudar anunciantes e fazer com que eles pagassem por cliques em publicidade que nunca aconteceram de verdade.

Diferente de outros aplicativos maliciosos para Android, o 'Advanced Battery Saver' realmente tinha a capacidade de realizar algumas tarefas de economia de bateria, incluindo o encerramento de atividades que estavam consumindo muita bateria. O aplicativo era divulgado com uma peça publicitária agressiva que se adaptava ao idioma e ao celular usado pela vítima para afirmar que o aparelho precisava de uma limpeza e podia estar lento. Leia Mais
Postado em 26/06/2018

O que fazer com os aparelhos eletrônicos encostados na sua casa? Certamente você tem pelo menos um celular, alguns carregadores e outros tantos produtos eletrônicos sem uso guardados em algum canto da casa. Se você faz parte desse time, saiba que não está sozinho.

Não é muito fácil se livrar desse tipo de lixo. Segundo relatório 'Global E-Waste Monitor 2017', foram gerados 44,7 milhões de toneladas de lixo eletrônico em 2016 em todo o mundo. Desse montante, apenas 20%, ou 8,9 milhões de toneladas, foram reciclados. O estudo, divulgado no fim do ano passado, foi produzido pela UIT (órgão da ONU para telecomunicações), a universidade da ONU e a Associação Internacional de Resíduos Sólidos (ISWA, na sigla em inglês). Leia Mais

Postado em 26/06/2018